"ERRANDO DISCUTIR" -

A tradução do latim para "ERRANDO DISCITUR" está ai:"É ERRANDO QUE SE APRENDE". Aqui está um site para opiniões, informações,poesias e, principalmente, exposições de momentos diversos para comungar com amigos, alunos e ex-alunos.

domingo, 1 de julho de 2012

1º Meeting de Educação & Tecnologia

Entre os dias 31 de junho e 1º de julho 2012,vivenciamos a experiência de um evento que já começou grande. Um evento nacional. Assim nasceu e logo foi amado.
A primeira experiência não poderia ser diferente, pois é aquela que vem para tornar-se inesquecível.
Tacão à esquerda,eu, Betânia e Fernanda Lima e Tatiana Acioli à direita.   
Quem é de educação e a vivencia ou até quem inicia-se por este caminho gosta de eventos desta magnitude. E assim veio o I Meeting Nacional de Educação & Tecnologia, uma realização da Faculdade IBGM e muito bem apadrinhado ou quem sabe adotado por Edvaldo Tacão e Tatiana Acioli,os Organizadores.
Confesso que sinto integrante além da missão que fora dada para mim e alguns colegas (Betânia e Fernanda Lima) (Comissão Científica). Divulguei tanto, tanto... Foram tantos e-mails, tantas compartilhadas e curtidas no Facebook e ligações para colegas de escolas que trabalhei e na qual trabalho.
Cirpriano Luckesi palestrando no I Meeting Nacional de Educação.                                                                                                         
O primeiro dia foi muito bom...
Abriu-se o evento com a ilustre presença do Secretário de Educação de Pernambuco, o prof. Dr. Anderson Gomes, palestrando sobre o tema: "A Universalização da Tecnologia nas Escolas Públicas". No evento deu a notícia que darei aos meus colegas da rede: "iremos ganhar,segundo o mesmo, tablets". Mas voltando ao foco, ele trouxe inúmeras perspectivas, até reconheceu o déficit que há na educação. Gostei da realidade que ele conhece e a que deseja,juntamente como toda a sociedade também almeja.
Cipriano Luckesi conosco após a palestra
O mais aguardado do dia, prof. Dr. Cipriano Luckesi, de maneira humilde e com muita propriedade - usando o recurso do microfone apenas - fez uma excelente apresentação com a temática:"Avaliação de aprendizagem: Uma relação indissociável no contexto da gestão pedagógica". Jamais vou esquecer algumas reflexões de Luckesi,entre elas a Teoria das Janelas ou a afirmativa que não aprendemos avaliar e sim executar Exames escolares. Forte de mais isso. E como foi interessante ouvir algumas coisas as quais irei parafrasear: "Avaliar é diferente de intervir na aprendizagem". Ralf Tyler,em 1930, deu início ao Ato de Avaliar...e nós não aprendemos o real sentido,segundo Cipriano Luckesi. E finaliza com esta:"O ato de avaliar estar para assinalar o que permanece ou muda",aqui estou parafraseando mais uma vez.

Aqui estamos o prof.Dr. Marcos Antônio Lorieri.
Em seguida tivemos o Prof. Dr. Marcos Antônio Lorieri, com a palestra "Ética no cotidiano escolar: compreender e ensinar". Que a verdade seja dita, aquele senhor era de palavras e conceitos tão úteis! E lá foi ele falando de VALOR e VALORAR."Valor é a relação de importância, de preferência,de não indiferença,que se estabelece entre o ser humano e objeto" e "Valorar é estabelecer a relação de preferência ou não preferência entre a pessoa e o objeto de desejo". E as máximas para não esquecer: "A palavra magica da ética é CRITÉRIO,pois ela irá valorar as coisas". E fofoca é " interação sociolinguística". Discontraímos em meio as várias filosofias.
A tarde deu-se abertura dos mini cursos.

Professora Betânia e eu no começo do mini curso com Lucila Pimentel.
O segundo e último dia chegou com tanta ansiedade. Afinal, todos esperando o prof. Mario Sérgio Cortella. Às 8h começam os mini cursos. Assisti e interagi no final do mini curso da profª Lucila Pimentel. O tema era "O cinema como processo de formação de professor". Em outras salas ocorriam outros mini cursos também movimentados e comentados. Professor gosta dessas coisas,gente! Professor gosta de coisas dessa magnitude! E assim parafraseando a facilitadora do mini curso: "O filme implica a capacidade do indivíduo se rever nas imagens".
A tarde,enfim, a primeira palestra: "Mídiaeducação:debatendo o papel das mídias na educação para o consumo",com o jornalista Flávio Paiva. E logo no começo ele afirma que "não há como ter ética e estética no consumismo no mundo de hoje". A mídiaeducação surgiu no Brasil,em 1932.
Mario Sergio Cortella,a nossa colega professora e eu.

Nem mesmo tinha acabado a palestra, duas fileiras atrás estava já de prontidão o prof. Cortella, a qual tietamos. Olhem as provas aqui.

Antes de Mario Sergio Cortela ser chamado para dar início ao mais esperado momento por todos - por mim desde quando soube que ele estaria no evento, tivemos com certeza o momento mais emotivo de todo o Meeting, a história do Sr. José Xavier Cortez, dono da editora que leva seu sobrenome.
Que história de vida daquele senhor, que as professoras amigas e eu tinhamos conhecidos no primeiro dia do evento a quem já dizíamos que era tão 'fofo'.
Olha seu Cortez no primeiro dia conosco. Falou e nos deu seu cartão pessoal.
Com o vídeo em desenho animado "Como o rio", soubemos um pouco da história deste Potiguar que há 3 décadas criou juntamente com sua saudosa Potira (esposa falecida em 2009) esta editora. Emocionante e digna história. Todo o nosso respeito e admiração Seu Cortez.

E por fim, e já deixando saudade, tivemos o magistral encerramento com a palestra "Educação transforma e reproduz a sociedade", com o prof. Dr. Mario Sergio Cortella,cronometrada pelo mesmo. Ele falou de tudo. Contextualizando, trazendo informações - incluia hoje o aniversário de Alceu Valença e tantas curiosidades sobre nosso Estado etc.

E muito do foco de Mario Sergio Cortella foi na INOVAÇÃO. De acordo com ele, " inovação não é sempre a criação do inédito,muitas vezes é dar vitalidade ao antigo". Ele diz que "a mídia digital é distrativa", ou seja, só serve para distrair. Perfeito. E volta e não quer mais sair do contexto INOVAÇÃO\TECNOLOGIA. Ele diz: "Inovação não significa modismo e não pode ser maior que o sentido de educação". E ainda vai longe PARA NOSSA ALEGRIA: "Não é tecnologia que torna a mente moderna. É a mente moderna que sabe usar a tecnologia,quando necessária". E lá foi ele falando da vida, dos casos e 'causos'. Cabia aos professores,entre os risos e delírios, fazer associação à temática. E nunca mais iremos esquecer que o "nosso corpo docente, após o dia de luta, pede descanso".
Para nunca esquecer. Já era fã e agora tripliquei meu sentimento por este grande estudioso e palestrante.



E aqui encerro, utilizando da mesma frase que Mario Sergio Cortella termina seu Livro "Qual a tua obra?": "Conheço muitos que não puderam quando deviam porque não quiseram quando podiam". François Rebelais.
Fiquei muito feliz em ouvir de Tacão, a quem estimo e sei que nutre tamanha consideração por mim, que nos fins de maio de 2013 teremos o II Meeting. Quero nele estar e que tenha esta imensa sinergia. Visivelmente sentida entre a equipe que contava com voluntariado (alunos de Educação Física da IBGM) e outros convocados( Angélica totalmente envolvida) que estavam tão comprometidos e merecem nossas estimadas considerações.

Parabéns aos professores que, de fato, sentem-se prestigiados com eventos que focam educação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário